Debate entre Ana Lydia Bezerra Santiago e José Ferreira Belisário: DÉFICIT DE ATENÇÃO: PROBLEMA DE SAÚDE MENTAL OU DA ESCOLA?

Debate entre Ana Lydia Bezerra Santiago e José Ferreira Belisário
 DÉFICIT DE ATENÇÃO: PROBLEMA DE SAÚDE MENTAL OU DA ESCOLA?

Café Controverso — Espaço TIM UFMG do Conhecimento




1 comentarios:

  1. Janaina Scuccato Lima dijo...

    Grande e riquíssimo debate entre a neurociência, a escola, a educação, a medicalização, outros tratamento e a inclusão!! Distúrbios de aprendizagem estão sempre ligados a agitação? Importante esse pensar sobre esses paradigmas entre transtornos e a diferença entre o que é de fato doença, e mesmo se tratando de doença, nos curvamos ao uso de ritalina? E os outros aspectos da vida do ser humano e a subjetividade? Toda e qualquer questão de uma criança agitada não está ligada a hiperatividade!!! Não basta mesmo o enfoque unilateral da medicalização!!! Mas no outro extremo, remédio é sempre ruim? Questões de generalização são ineficientes!! O que acontece com o sujeito rotulado, como ele lida com isso? E a questão do ser humano e a sua subjetividade? O anestesiamento medicamentoso impede muitas vezes outras soluções e abordagens, fato!!
    Precisamos muito dialogar entre as outras areas que lidam com crianças, a começar pela familia!! Adorei o debate, precisamos cada vez mais disso!!!

Publicar un comentario